Quarta-feira, 9 de Abril de 2008
Sustos

 

quadro_mae_e_filho5.jpg

 

Quase que o meu coração parou quando te vejo, minha princesa contornar o carro e ir na direcção da estrada ignorando a minha voz a chamar-te

E eu submersa nas tralhas todas que íamos levar para casa da avó sem capacidade para me libertar e te agarrar.

Dei um grito que ecoou pela rua fora Do outro lado da rua algumas pessoas esperavam pelo autocarro e assistiam, impotentes, a tua determinada caminhada para o abismo dos carros que passam, ignorando a fragilidade pequenina da tua existência .

No dia anterior foi o botão que salta do teu nariz depois do espirro. Vi-te com o dedinho no nariz, mas pensei que era um macaquinho, limpei pedi-te para fazer funguinha , longe de imaginar que o botão que sempre me tiras, te tinha fugido.

Ai não me cheguei a assustar, quando percebi já tudo estava resolvido, mas agora o meu coração parou.

Não me fujas princesinha que eu morro de susto.


tags:

Deusa que aqui deixou dceres às 08:08
link do post | Adorações | favorito

.A Deusa
.Dezembro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.Digo

. Sustos

.Disse um dia

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Fevereiro 2013

. Setembro 2011

. Setembro 2008

. Junho 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.tags

. todas as tags

.Onde está
 
.Onde está
 
blogs SAPO
.subscrever feeds